Vinho do Porto Taylor’s Fine Ruby

taylors_header

O Dia dos Pais está chegando e aí está mais uma dica que eu acho que vai cair bem para dar de presente. Que tal um vinho do Porto? Os vinhos do Porto são feitos exclusivamente em Portugal, na região do Douro e são muito especiais. A história é muito bacana e vale dar uma pesquisada (não vou contar aqui senão vai ficar muito longo, mas tem muita literatura na internet) e se o seu pai gosta de vinhos, provavelmente ele vai gostar de ter um vinho do Porto.

Provei recentemente esse Taylor’s Fine Ruby, que é um vinho de entrada da casa. E da mesma casa você pode encontrar outros mais tops, como os Vintages, os 10 anos, 20 anos, etc.

O Ruby é feito com as uvas da região e envelhecido por 2 anos em barricas de carvalho. É um vinho do Porto jovem e bem equilibrado. Tem aromas de frutas doces, toques de baunilha e cedro.

taylors-fine-ruby-port_copy_198305154e8dd4438a407Para uma combinação com doces à base de chocolate é uma boa, mas eu acho que esse fica até melhor com queijos como o gorgonzola ou até mesmo um parmesão mais curado. Se você ainda não provou essa combinação, vale a pena. Aliás, que tal fazer uma sobremesa diferente no Dia dos Pais? Você pode até ter o seu doce para fechar a refeição, mas no final, pode servir esses queijos com o vinho do Porto, como é feito principalmente na França. Você verá que é uma delícia e ainda tem o “poder” de prolongar um pouco a refeição.

Os vinhos do Porto em geral não custam barato, mas lembre-se que é uma bebida fortificada, com quase 20% de álcool. É para ser bebida em pequenas doses. E justamente por ser fortificada, ela aguenta mais tempo depois de aberta. Se você quiser conservar sua garrafa de vinho do Porto na geladeira por uns 15 a 20 dias, acredito que terá um vinho em boas condições para beber. Mas não deixe por muito tempo, pois ele vai perdendo os aromas e sabores, mesmo que pouco, com o tempo. E se abriu a garrafa e sobrou, guarde, mas encontre logo uma nova oportunidade para reunir amigos e familiares e beber o restante, afinal de contas, no final é isso que vale!

Um abraço

Daniel Perches

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>