Radford Dale Freedom Pinot Noir 2010

Você já bebeu algum Pinot Noir da África do Sul? Se não bebeu, prepare-se, porque tem muita coisa boa por lá! Estive com o pessoal da Qual Vinho e provei esse (e alguns outros) Radford Dale Freedom e fiquei impressionado com a qualidade dele.

Sempre digo que temos que abrir a cabeça e sei que quando o assunto é Pinot Noir, há uma grande resistência, mas quem tiver disposição de conhecer rótulos e países diferentes, vai ter uma grata surpresa.

Produzido na região de Elgin, esse vinho veio com muita fruta fresca (e olha que eles deixaram o vinho aberto por 2 horas antes de bebermos) e com toques de especiarias, que tornaram ele bem diferente e interessante.

Na boca tem bastante frescor e me pareceu muito gastronômico, aguentando até comidas mais pesadas. Não gosto de fazer comparações, mas para quem se interessar, recomendo colocá-lo às cegas junto com grandes Pinot Noirs para ver se ele não vai se sair muito bem.

E o melhor de tudo é que ele custa R$ 115,00. Eu já vi Pinot Noir bem simples, que vem com rótulo escrito “Borgonha” custar mais do que ele.

O nome “Freedom” foi dado a ele para comemorar a chegada de Alex Dale à África do Sul quando ele pôde quebrar com todas as regras e limitações das leis da Borgonha para trabalhar e criar um excelente Pinot Noir.

Eu me libertei. E você?

Um abraço

Daniel Perches

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>