La Superbe Rouge 2009 – Vinho francês bom e barato

Já fazia um tempo que eu estava querendo provar esse vinho. Produzido pela Mongeard-Mugneret, é o vinho de entrada da vinícola, que faz grandes vinhos como o Grands-Echezeaux e também o Le Libertin, que eu gosto muito.

Como estamos falando de um vinho tinto da Borgonha, não poderíamos ter uvas diferentes de Gamay e Pinot Noir. Esse tem 75% da primeira e 25% da segunda, fazendo uma mescla bem interessante, com aromas de cerejas e morangos e um leve toque de madeira ao fundo, mas tendo como principal característica o frescor. E esse frescor no nariz se repete na boca, com uma acidez muito gostosa.

É daqueles vinhos para se beber descompromissadamente, talvez como entrada ou para acompanhar um prato leve. É o que eu costuma chamar de vinho alegre. Não vai ser preciso ficar horas com a taça no nariz buscando aromas. É abrir, beber e deliciar-se. Esse custa R$ 75 na Ravin.

Um abraço

Daniel Perches

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>