La Fuga Brunello di Montalcino DOCG

Tenuta La Fuga

Eu sempre penso que para provar (e entender) bem um Brunello di Montalcino é preciso tempo. Não só para poder reconhecer os aromas, mas para o vinho se abrir e mostrar tudo o que tem. Pelo menos para mim, é assim que acontece, porque os que eu já bebi dessa região/denominação, estão sempre fechados, pedindo para que fiquem lá descansando um pouquinho antes de apresentarem todo o seu potencial.

La Fuga Brunello di MontalcinoE foi assim quando eu provei o La Fuga Brunello di Montalcino DOCG 2008, da Tenute Ambrogio e Giovanni Folonari, que acabou de chegar ao Brasil pela importadora http://www.cantuimportadora.com.br/. Me deparei com um vinho potente, forte, intenso e ainda fechado. Aromas de frutas negras, terroso, um pouco de chocolate amargo e alguns outros que iam aparecendo aos poucos, com o tempo na taça.

Na boca é a mesma coisa, também fechado, com muito tanino e pedindo fortemente uma comida. Aliás, não consigo imaginar provar um Brunello di Montalcino sem ter uma boa comida ao lado para acompanhar. Parece que eles foram produzidos para serem bebidos em (boas) refeições.

Se você gosta dos vinhos de Montalcino, esse pode ser uma boa opção para conhecer um novo rótulo, que seguramente vai ter todas as qualidades de um bom Brunello. Mas se eu tivesse uma outra garrafa, eu guardaria por mais alguns anos, para poder bebê-lo ainda mais complexo.

Aproveite e veja também outro vinho da Tenute Ambrogio e Giovanni Folonari que eu provei aqui: Il Pareto.

Um abraço
Daniel Perches

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>