Imprint, um vinho da Puglia que surpreende

Alberobello - Puglia

Imagine uma região da Itália que tem grandes belezas naturais, cidades que praticamente “pararam no tempo”, clima mediterrâneo e um povo extremamente alegre e feliz. Pronto, você visualizou a Puglia.

Situada no “salto da bota”, essa região é belíssima e por vezes esquecida pelos turistas, que preferem o norte do país (que tem grandes belezas incontestáveis também). Estive na Puglia há algum tempo e fiquei realmente encantado pelo lugar.

A Mano Imprint PrimitivoE é de lá que vem os vinhos da A. Mano, produtor de vinhos que faz o Imprint, um vinho que tem um caráter único, assim como o lugar de onde vem. O Imprint nasceu da idéia do enólogo Mark Shannon de criar algo diferente e resolveu fazer um vinho com a uva Primitivo, típica da região, mas de forma apassitada, ou seja, com uva sobremaduras e que secaram um pouco antes de serem vinificadas, bem ao estilo Amarone.

Se a uva Primitivo por si só já é um pouco mais adocicada, imagina quando ela fica bem madura e depois tiram a água dela. Sobra bastante açúcar, o que vai fazer esse vinho ficar fantástico. Mas atenção, não é um vinho doce. Ele é seco, mas tem um grande teor de açúcar, maior do que os que estamos acostumados a beber. E por conta desse processo de secagem da uva antes de vinificar, ele ganha complexidade, tornando-se muito estruturado e com aromas muito legais de frutas negras em geléia, misturado com um pouco de tabaco e cacau.

Eu gosto de beber vinhos assim com queijos amarelos maturados, como o parmesão, mas é um vinho que pede uma comida também estruturada, como um guisado, uma carne assada com especiarias ou um bom ragú.

O Imprint corresponde à ousadia do produtor, mas também um pouco do caráter da Puglia, mostrando que a diversidade pode ser muito bacana.

E se quiser beber esse vinho lendo um pouco sobre a região, recomendo dar uma olhada na cidade de Alberobello, que é a da foto aí de cima. Essas casas engraçadas, chamadas trulli, são típicas da cidade e têm uma história fantástica. Vai valer a pena.

Um abraço

Daniel Perches

 

 

Para saber mais sobre os vinhos A. Mano clique aqui. Os vinhos são importados pela Ravin no Brasil.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>