Impostos: vinícolas no Simples – o que isso significa na prática?

vinho_impostos_header

Eu não entendo muito de impostos mas obviamente sei da alta carga tributária em geral no Brasil. E com a produção de vinhos não acontece diferente. Não sei ao certo quanto sai no final de tudo para produzir um vinho, mas quem tiver interesse pode até falar com o meu amigo Didú Russo que tem uma palestra legal sobre isso.

E ontem recebi um comunicado que a princípio me pareceu interessante. Reproduzo ele aqui. Não sei ao certo qual será o impacto para nós consumidores, que obviamente queremos vinhos mais baratos, mas me parece um bom avanço.

==============================

Vinícolas no Simples

Em Brasília já está sendo dada como certa a inclusão das vinícolas no regime do Simples Nacional, regime especial de tributação voltada para as micro e pequenas empresas. Na última quarta-feira (27), o diretor técnico do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), Leocir Bottega, e o presidente do Sindicato das Indústrias Vinícolas de Santa Catarina (Sindivinho), Celso Panceri, se reuniram com ministro da Micro e Pequena Empresa, Guilherme Afif Domingos, que manifestou apoio irrestrito à reivindicação do setor.

E, de acordo com o deputado federal Afonso Hamm (PP/RS), presente à reunião, o Projeto de Lei Complementar 237/12, que altera o Estatuto das Micro e Pequenas Empresas, deve ser aprovado na próxima semana pela Comissão Especial, seguindo direto para o Plenário da Câmara, sem necessidade de tramitar em outras comissões.

O veredito final do Congresso, entretanto, dificilmente sai este ano.

Fonte: Ibravin

==============================

 

Um abraço

Daniel Perches

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>