Domaine de Boischampt 2010

Esse é um vinho feito com a uva Gamay, que é a uva “oficial” da região de Beajoulais, na França. Se você der uma pequena pesquisada na internet vai encontrar bastante coisa falando sobre a Gamay e sobre a região. Vale a pena conhecer um pouco sobre esses vinhos, que encantam muitos, mas por conta do preconceito de alguns, já passou por boas dificuldades. É legal conhecer também a festa do “Beajoulais Noveau”, quando se lança a safra nova. Vão todos para as ruas comemorar.

Mas agora o que interessa aqui é que a Gamay é uma uva delicada, que até se parece um pouco com a Pinot Noir. Em geral resulta em vinhos leves, de coloração clara e aromas bem frutados.

O Domaine de Boischampt 2010 é mais ou menos assim. No quesito aromas é bem típico, com toques de morango e cereja, mas na cor eu me confundi um pouco com ele. Esperava um tom mais leve e ele veio com uma cor bem forte, potente. Importante dizer que isso não tem problema algum e provavelmente é só uma questão de extração na hora de produzir o vinho.

Na boca tem uma excelente acidez (na medida) e é um vinho bem gastronômico, que aceita vários tipos de comida. Eu iria com algo leve e pensei até numa salada de camarões. Sinceramente não sei se funciona, mas foi algo que me passou pela cabeça na hora que bebi esse vinho.

Já pensou em beber mais vinhos feitos com Gamay? Eu estou pensando seriamente em me dedicar mais a isso. Fiquei animado com esse vinho, que é bem interessante.

O Domaine de Boischampt 2010 é importado pela Chez France no Brasil.

Um abraço

Daniel Perches

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>