Côtes du Rhone Domaine Didier Charavin 2010

Os vinhos do Rhône foram uns dos primeiros que eu gostei, quando comecei a aprender sobre o tema. Produzidos em sua grande maioria com várias uvas e tendo o corte Grenache/Syrah/Mourvedre, ou “GSM” como principal base, são vinhos que me agradam por serem exuberantes, intensos e até fáceis de beber.

Mas fazia tempo que eu não bebia um Cotes du Rhône até que me apareceu a oportunidade de comprar esse, o Domaine Didier Charavin 2010, que é um corte de 70% Grenache, 20% Syrah, 10% Mourvèdre. O vinho estava na adega até que um dia eu decidi fazer um carré de cordeiro e achei que esse poderia ser uma boa companhia.

didier_charevin_2010Decisão acertada (o que nem sempre acontece. Se você acompanha o blog, sabe que de vez em quando quebro a cara com algumas harmonizações). As especiarias do tempero do cordeiros combinaram muito bem com o vinho, principalmente porque ele é intenso, forte e bem “temperado”.

Com uma cor escura e jovem, aromas de frutas vermelhas e especiarias e uma ótima acidez, o vinho me encantou. Eu poderia beber ele com a carne, como fiz, mas também poderia bebê-lo sozinho sem problemas. Um outro acompanhamento que daria certo seria um queijo amarelo curado, como um parmesão.

Esse custa em torno de 100 reais, o que me pareceu excelente para um Cotes du Rhône de boa qualidade como esse. É importado pela Vinhos Everest e dá pra comprar pelo site (se for por caixa. Se for individual eu não sei onde vende).

Um abraço

Daniel Perches

 

You Might Also Like

Um comentário

  1. 1

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>