Carta de Catena Zapata sobre vinhos Cuarto Domínio

Você já provou os vinhos do Cuarto Domínio? Se não conhece, até porque eles acabaram de chegar ao Brasil, pode ver um pouco mais no post Vinhos Cuarto Domínio – De Mendoza, sem complicação. Acho que os caras estão fazendo um trabalho legal. Javier Catena, que o próprio “denuncia” de onde vem, esteve aqui e nos apresentou um pouco da sua história e claro, seus vinhos.

Mas em paralelo, e especialmente por conta de seu sobrenome bem conhecido no mundo do vinho, está rolando uma discussão familiar. Tanto que nesta semana eu recebi uma carta da Bodega Catena Zapata e Bodegas Esmeralda, assinada pelo seu Presidente, sr. Luciano A. Cotumaccio, replicando algumas informacões dadas por Javier Catena no evento de  lançamento. (veja aqui –  Letter_Catena_Zapata).

Mais do que dar minha opinião (até porque é uma briga que eu não quero me meter), eu acho que o mais importante é que nós, consumidores, saibamos o seguinte: Há no Brasil os vinhos Catena Zapata, que são importados pela Mistral e que são EXCELENTES. Adoro todos eles, já estive na bodega e realmente sou fã (veja post sobre a visita aqui).

E há também os vinhos da Cuarto Domínio, que é do Javier Catena, que é parente do pessoal da Catena Zapata, mas que não tem nada a ver com eles. É outra bodega, são outros vinhos, outra proposta. E são muto bons também! (e com estilos diferentes). Esses são importados pela Ravin.

Independente do que a família decidir divulgar ou não, sugiro que a gente só aproveite o que eles têm de melhor, o vinho.

Um abraço

Daniel Perches

You Might Also Like

2 Comentários

  1. 1
  2. 2

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>